lirikcinta.com
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

lirik lagu beijo no pescoço – puro l

Loading...

[verso 1: puro l]
o amor é mágico, já disse tudo, como sempre foi
e amar é básico, trágico e como sempre dói
mas vim explicar as instruções porque isso se impõe
quando há quem mate as relações e não as recompõe
(tem) cuidado com quem fala e quem propõe
não me oponho, ma não vires marioneta (tu)
vai conversar à beira mar e lá deixa que o sol se ponha
(mas) não deixes nem que o sol se meta
emprenhar é careta, pelos ouvidos boneca
mas trago a lambreta do zambujo na backup
vens dar uma voltinha e esquecemos essa treta?
ou amuas pra depois andares atrás de bicicleta
pareço ser profeta, para de ser pateta
porque é que não vieste logo comigo quando eu vim?
perdemos tempo precioso violeta, o sangue sobe-te à cabeça
achas que foi melhor -ssim?
tu curtes quando eu brinco tão e se eu fico farto
e arrebento o trinco, da porta do meu quarto
deixo-te um labirinto e o som do maze quando
saíres perceberás que um momento é um brilhante diamante

[refrão: puro l & denise]
continuo louco por ti
meus deus como é que eu te deixei
ainda -ssim nunca te menti
muito menos te magoei
por favor não me olhes -ssim
meus deus como é que eu aguentei
tanto tempo sem ti aqui
duas horas e já voltei

[verso 2: puro l]
basta que ao fundo soe um cântico com vista para o atlântico
pra que eu e tu façamos de um quarto de motel romântico
pra quê pedir um pórtico quando esse luxo é tanto e tu
ficas feliz com um filme pirata que puxe ao pranto e
o teu choro traz o tempero a este momento tantrico
p’ra completar o sonho que não é mas antes fosse
falta-me aquilo que nos torna um par romântico
basta a cerveja, o tremoço e um beijo no pescoço
o que é que queres mais?

[refrão: puro l & denise]
continuo louco por ti
meus deus como é que eu te deixei
ainda -ssim nunca te menti
muito menos te magoei
por favor não me olhes -ssim
meus deus como é que eu aguentei
tanto tempo sem ti aqui
duas horas e já voltei

[verso 3:puro l]
vamos criar a nossa crew de putos belos
numa fogueira a ver queimar os marshmallows
eu a acordar na comixão dos teus cabelos
tu a acordar tranquila que eu não tenho pêlos
tu a desfilar de pijama quais modelos
eu a tchilar de meias pelos tornozelos
colar em ti a falar pelos cotovelos
numa fogueira a ver queimar os marshmallows