lirikcinta.com
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

lirik lagu 188 – tvoc

Loading...

afaste suas frias mãos do meu peito
não irei aguentar
meus pulmões colapsam por dentro
me falta o ar
não consigo respirar
estou perdendo os sentidos

preso entre quatro invisíveis paredes
posso senti*las se aproximando
tento fugir
mas raízes prenderam meu corpo

não tenho tempo, para esperar
alguém que venha me salvar
irei sair daqui pelos meus próprios meios

não posso deixar isso me abalar
não quero seguir preso (não! não!)
nessa armadilha que me afunda cada vez mais

eu vou arrancar
todo pedaço de mal que se aferrou em mim
eu vou afastar
todo esse medo que você deixou
os pesadelos me afogam

as noites se tornam horríveis tormentos
os remédios não fazem mais efeito
a dor aumenta a cada segundo que permaneço vivo

se todas as coisas seguem bem
se consegui tudo o que eu quis
não entendo porque os meus pés não querem andar
se tudo está bem

minha mente está perdida entre toda a ilusão
que você alimentou
com todas as suas mentiras

não tenho tempo para esperar
alguém que venha me salvar
irei sair daqui pelos meus próprios meios

não posso deixar isso me abalar
não quero seguir preso (não! não!)
nessa armadilha que me afunda cada vez mais

eu vou arrancar
todo pedaço de mal que se aferrou em mim
eu vou afastar
todo esse medo que você deixou

quero acordar pra me sentir
vivo outra vez, vivo outra vez
quero fugir, sair daqui
me faltam forças para seguir
me tira daqui, me tira daqui