lirikcinta.com
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

lirik lagu 3:33 – x-tense

Loading...

[verso 1]
baby, tu foste a chavala que eu queria ter visto em branco
por ti li cabala, fiz terapia
por ti virei santo
por ti eu dei pala do que sentia
não escondi a ninguém
fizeste-o por mim também
até vir o dia em que não ‘tavas
bazaste e deixaste mensagem à minha mãe
a dizer “não dá mais”, não voltavas e sofrias tanto
disseste “tu apaga as fotos privadas e fica bem”
a fazer as malas às palavras de dois dias antes
sh-t! sempre soube que isto ia ser -ssim
mas ‘tava a fingir que não
eu era o homem da tua vida
só até haver uma discussão
e ver a cobra que te seguia desde que tinhas 5 anos, baby
e essa dor que trazes foi o que me pôs apaixonado
quando mais me fazes mal, mais eu ‘tou cá para ajudar
quanto mais me dás para trás, mais eu penso “ ‘tou quase lá”
quando no fundo já se sabe que este amor foi para a sucata
e eu não ‘tou a tentar p-ssar culpa para ninguém, babe
não me entendas mal
eu vou em paz e só te desejo bem
já ch0r-i à parva
fiz figuras que nem um paneleiro
já dei voltas à cabeça para diploma de break dance
eu não me respeitei
aparei truques para nunca sentires que te abandonei
e cada insulto da tua boca vem com um “amo-te tanto”
se eu papei grupos, sabias que é porque eu sei o que sei
baby, o que é que eu ganhei?
e agora tu ‘tás na parte em que era um mau caráter
que te maltratava
o que parte a casa, isto era parte a parte
e tu nem quarta parte tens, eu disparo em raiva
e tu uma fada de lar capaz de amar
e nem vou negar nada
só vai aso a tu inventares mais disso
eu quero ‘tar em paz
e vou desligar o meu walkie-talkie, babe
e se ‘tás com alguém vou buscar pipocas (hey)
para te -ssistir a recomeçar uma história
começa a tornar-se óbvia

[refrão]
até tu veres que eu não ‘tou cá (hey)
não encontras quem se compare (hey)
procura e não vais encontrar (hey)
a pensar na forma como te faço
na cama com outro gajo
porque eu já não ‘tou cá (hey)
baby, eu dei tudo e vou em paz (hey)
podes apagar o meu contacto (hey)
baby, vais-me ouvir em todo o lado
rezar que o meu som te baste

[bridge]
e se doer muito chora um rio, babe
e se doer muito chora um rio, babe
e se doer muito chora um rio, babe
e se doer muito chora um rio (x4)

[verso 2]
you know…
já ouvi calúnias
não desmenti nenhumas
não bastava ser tudo
ainda arrumas umas tuas
juntas tudo em alguma nuvem
que me destrua e tu não
mas o estranho é que o nuno -ssume a culpa
já tu nunca -ssumes nenhuma
a carapuça é só o meu número (fudeu!)
mas baby, o que me acusas
para ti fui
eu era o que tu dizias dos ex
claro o nuno p-ssou de um “deus” a “um deles”
mas anyway…
ya, não vou mentir
ya, sofri muito
em vez de ter escutado o people, quis lutar por ti, boo
e se isso faz de mim burro
nem vou ficar fudido
baby, vou só trocar de sítio
para onde isso p-sse a virtude
não vou tornar-me cínico
quero ser feliz e encontrar paz de espírito
tratar de mim antes que vire um caso clínico
pelo que sei tu ‘tás feliz e já não ‘tás comigo
então só espero não dar por ti e recomeçar o ciclo
eras o meu amor tesouro
talvez fosse louco
saí desta merda todo torto
daquele esforço todo
não dizes que eu sou ovo podre como os outros todos?!
quando eu contigo era o oposto
era um bolo fofo
mas baby, claro que eu dou o rosto
eu não escondo podres
e se calhar ‘tou-me a expor de novo
mas eu sou o que sou
eu sou um merda, sou um doido, baby, fomos dois
mas porra até quem viu de longe sabe o amor que foi

[refrão]
até tu veres que eu não ‘tou cá (hey)
não encontras quem se compare (hey)
procura e não vais encontrar (hey)
a pensar na forma como te faço
na cama com outro gajo
porque eu já não estou cá (hey)
baby, eu dei tudo e vou em paz (hey)
podes apagar o meu contacto (hey)
baby, vais-me ouvir em todo o lado
rezar que o meu som te baste

e se doer muito chora um rio, babe
e se doer muito chora um rio, babe (também me doeu a mim)
e se doer muito chora um rio, babe
(não quero que te doa a ti, mas…)
e se doer muito chora um rio, chora um rio
chora um rio, chora um rio (não vai doer a mim)

(you can do whatever you like
you can do
you can do
and i will show you how i ride)